Agradecimento ao Robson e à acupuntura

Posted by Gerenciador, With 0 Comments, Category: Parceiros, Tags:, , , , , , ,

Recebemos por email o depoimento da Maria Cecília Caropreso sobre a acupuntura da Scully, poodle terapeuta aposentada de 15 anos. Robson é acupunturista e parceiro do INATAA, trabalha para levar saúde e bem-estar aos animais e merece toda a nossa admiração pelo trabalho que desenvolve.

Robson e Scully durante sessão de acupuntura

Robson e Scully durante sessão de acupuntura

"A minha poodle Scully tem 15 anos, trabalhou no INATAA desde a sua criação e há mais ou menos um ano ela se aposentou. Um dia ela simplesmente travou, assim que ela saiu da caminha de manhã eu a vi andando toda torta, sem nem conseguir levantar a cabeça. O corpo dela estava curvo, formando a letra C. Tentando se equilibrar, andava desse jeito sem parar, acho que tentando entender o que estava acontecendo com ela. Foi desesperador pra mim e pra ela. Depois das radiografias e do tratamento de emergência com antibiótico, anti-inflamatório e analgésico, a dra. Patrícia Pascoal recomendou a acupuntura como manutenção, para evitar dores e espaçar o mais possível novas crises. Por causa da degeneração da coluna devido à idade e a um monte de bicos de papagaio em muitas vértebras, a Scully tinha tudo para estar paralítica. Mas a acupuntura está ajudando demais. Hoje a mobilidade dela está muuuuito melhor, ela não travou mais e voltou a se espreguiçar e a dar pequenas corridas, coisas simples assim que já não fazia. E o Robson, o acupunturista parceiro do INATAA que vem até em casa tratar da Scully, além de ser um profissional de primeira (organizado, cumpridor de horários), é uma pessoa também de primeira, ótimo astral, que sabe conquistar o cão e a gente de um jeito espontâneo, natural". (Maria Cecília Caropreso)

A acupuntura eleva os índices de melhora na saúde dos animais, ajuda a controlar a dor, relaxa e trata diversos males. Engana-se quem pensa que não fará diferença na vida do animal ou que ele não ficará calmo e tranquilo para receber o tratamento. Leia mais sobre a acupuntura veterinária na matéria da Revista Pequenos Cães: http://www.pequenoscaes.com.br/acupuntura_veterinaria.php